top of page

Bourbon Festival Paraty | 2023

Jane Monheit, Ivan Lins, Hermeto Pascoal, Ana Cañas, Kevin Gullage e Diunna Greenleaf estão entre as atrações.


Com apresentações gratuitas em palcos espalhados pelo centro histórico e também em praias e outros locais, teremos a 13ª edição do badalado festival de jazz de Paraty, que se torna nessa época uma verdadeira New Orleans brasileira.


A 13ª edição do Bourbon Festival Paraty- www.bourbonfestivalparaty.com.br - que será realizada nos dias 14,15 e 16 de abril (sexta a domingo), transformará novamente a belíssima cidade turística situada no Estado do Rio de Janeiro, na Costa Verde Fluminense, em uma verdadeira capital da boa música, com apresentações de nomes do porte de Jane Monheit, Ivan Lins, Hermeto Pascoal, Kevin Gullage & The Blues Grooves, Diunna Greenleaf, Ana Cañas e BNegão + Banda Black Mantra, em um total de mais de 30 atrações gratuitas.

Para Edgard Radesca, diretor geral do Bourbon Festival Paraty, o grande segredo da longevidade desse evento é a combinação mágica da paradisíaca Paraty com a capacidade do Festival de oferecer música de qualidade, alegria e entretenimento aos inúmeros turistas que visitam a cidade em cada nova edição e também, claro, aos paratienses, que sempre nos recebem tão bem e apoiam o Festival


“Procuramos oferecer entretenimento com qualidade, sempre! E a pandemia nos ensinou a importância da convivência, de valorizar o coletivo, da aproximação entre as pessoas, ano após ano, temos ampliado ainda mais esta integração, prestigiando os artistas locais em apresentações nos vários palcos do Festival, incorporando profissionais da cidade à equipe de produção do Festival e agora levando a música e o bom astral a praias fora do Centro Histórico”.


Luciano Vidal, prefeito de Paraty, destaca a importância do Bourbon Festival para Paraty, “É um evento que tem uma grande importância, um grande significado para a nossa cidade a nível até internacional e que vem ajudando a conquistar cada vez mais o reconhecimento a nível de Brasil e internacional” Fala também da importância econômica do evento para a cidade, “eventos como o Bourbon, que traz entretenimento, traz alegria, animação com pessoas que gostam de uma boa música e diversão, contribuem muito para o desenvolvimento econômico da cidade, trazendo mais recursos e fomentando o setor turístico artístico e cultural e as pousadas, bares e restaurantes”.


Marcos Paulo Magalhães Coutinho, o Paulino, secretário de Turismo de Paraty, também reafirma a importância econômica do festival para a cidade e observa que a cidade, por ter um calendário consolidado, composto por eventos de qualidade, serve como exemplo para outros destinos turísticos, “e o Bourbon Festival Paraty é um dos nossos grandes destaques”.


A edição de 2023 traz parceria entre artistas brasileiros e internacionais, além da diversidade de estilos musicais que permeia habitualmente os elencos escalados, tendo como norte a qualidade e consistência artística e a proximidade com o jazz em todas as suas vertentes.

A programação do Palco Matriz, o principal do evento, terá como abertura do festival na sexta-feira (14) a apresentação da Orquestra Sinfônica de Paraty, com seus mais de 60 músicos locais regidos pelo talentoso maestro Weslem Daniel de Freitas.


A seguir a cantora e pianista norte-americana Jane Monheit, entra em cena e convida Ivan Lins para celebrar uma parceria musical que já os levou a fazer shows em vários países. No encontro inédito no Brasil, o repertório mescla standards do jazz com canções de Ivan como, “Começar de Novo” e “A Gente Merece Ser Feliz”.


A cantora vive fase muito produtiva em sua carreira, tendo lançado os álbuns “Come What May” (2021), que inclui entre seus destaques “Samba do Avião” (Tom Jobim), e “The Merriest” (2022), este último seu 2º de canções natalinas e que traz um dueto com John Pizzarelli em “That Holiday Feeling”.


Jane, por sinal, já gravou músicas de Ivan em álbuns como “Surrender” (2007) e “The Heart Of The Matter” (2013), entre as quais “Depende de Nós”. Com mais de 20 anos de estrada, a cantora é fã incondicional da música brasileira, e se sente à vontade interpretando composições do amigo brasileiro. O tipo de show que tem tudo para marcar a história do festival, e até mesmo virar uma possível prévia de um álbum que os dois pretendem gravar futuramente.


O dia de estreia termina com a parceria que reúne BNegão, conhecido por seus trabalhos com o Planet Hemp e com a sua banda Seletor de Frequências, e o grupo paulistano Black Mantra. Eles farão uma releitura do icônico álbum “Tim Maia Racional” (1975), um dos momentos mais cultuados da carreira do grande Tim Maia, com direito às faixas clássicas “O Caminho do Bem” e “Imunização Racional (Que Beleza)”.


Hermeto Pascoal, o grande mago da música instrumental brasileira, vai se incumbir de abrir os trabalhos do palco Matriz no sábado (15), acompanhado por sua banda afiada e uma imensa capacidade de surpreender a todos com sua criatividade que cativou até mesmo gênios do calibre de Miles Davis nessas suas seis décadas de estrada pelos palcos do mundo.


Na sequência, mais uma parceria Brasil-EUA. A cantora norte-americana Diunna Greenleaf, oriunda de Houston, Texas, lançou seu álbum de estreia em 2007, e desde então marca presença de forma habitual em festivais de música em seu país natal e na Europa com sua mistura de blues, soul, gospel e jazz. Para acompanhá-la, teremos o carismático e experiente gaitista brasileiro de blues Marcelo Naves e a sua banda The Tigermen.


Para encerrar a lineup desta noite incrível, foi escalado o cantor e pianista norte-americano Kevin Gullage, músico de Nova Orleans que tem sólida formação teórica e muita alma, com direito a um vozeirão que surpreendeu o público do reality show American Idol em 2022, e em especial os jurados, entre os quais os astros pop Lionel Richie e Katy Perry.


Kevin teve grande destaque ao participar em setembro de 2022 do Bourbon Street Fest em São Paulo, e será acompanhado pela banda The Blues Groovers, capitaneada por seu pai, Tony Gullage (baixo). Ele lançou em 2022 seu primeiro e elogiado álbum, “SomethingOld, Something New, Something Borrowed Blues”, pela prestigiada gravadora de blues Basin Street Records. Kevin e seu grupo também farão um show de música instrumental no palco Santa Rita no dia 16.


O palco Matriz terá no domingo (16) a badaladíssima cantora Ana Cañas com “Ana Cañas Canta Belchior”, show premiado como o melhor de 2022 pela APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte), trazendo hits do porte de “Como Nossos Pais” e “Velha Roupa Colorida” e a inédita “Um Rolê no Céu”, oferecida à cantora pelos parentes do saudoso compositor cearense.


Soul, funk e disco music darão o tom da apresentação do baixista Fernando Rosa, que com seu projeto Alive realiza um tributo a grandes nomes da música de groove internacional e possui uma verdadeira legião de fãs na internet e nos palcos, cativados por seu talento e carisma. E o DJ Crizz se incumbe de encerrar as noitadas de sexta e sábado no palco Matriz com repertório dançante de 1ª linha. Já o domingo fica por conta de Dj Léo Lucas com novas sonoridades e releituras.


Os outros palcos do evento também oferecem atrações imperdíveis. No Santa Rita, duas homenagens bem interessantes irão ocorrer, a de Lucas Gomes ao trompetista norte-americano Roy Hargrove (1969-2018), e a do projeto VoodooWoman (liderado por Layla Arruda) à icônica cantora e pianista norte-americana Nina Simone (1933-2003). E o grupo Silibrina, liderado pelo pianista Gabriel Nóbrega (filho do consagrado Antonio Nóbrega), mostra seu trabalho autoral e instrumental que já rendeu dois elogiados álbuns e mistura ritmos brasileiros com o jazz.


Os talentos radicados em Paraty também terão bons espaços na programação, como a Orquestra de Violões da Casa de Cultura, e o Rhandal Sexteto, comandado pelo experiente Rhandal Oliveira.


O grupo Favela Brass, composto por músicos selecionados em um projeto social carioca, fez tanto sucesso em sua estreia na edição de 2022 que estará de volta a esta edição. Além de tocar no Palco Santa Rita, também estará, ao lado da Orleans Street Jazz Band em performances pela cidade. Outro projeto inaugurado com sucesso em 2022 é o Jazz na Kombi, que levará música para praias mais distantes e outros locais da cidade, de forma itinerante.


E teremos também outra marca registrada deste evento, os buskers, na melhor tradição dos músicos de rua internacionais, que também mostrarão seu talento pelas ruas e praças de Paraty. O elenco traz Vasco Faé, Bibba Chuqui, Alma Nouche Trio e os músicos locais Jes Condado e Plínio Blues Trio.


A programação ainda oferece concorridos workshops com o Favela Brass e o AquaBienta, apresentações em igrejas e uma exposição de fotos com curadoria a cargo do fotógrafo Giancarlo Mecarelli com registros de outras edições do festival.


Com muito orgulho da história que construiu, o Bourbon Festival Paraty é reconhecido por ser um dos eventos que mais movimenta a economia e o turismo da região.


Realizadopela Prefeitura de Paraty, através de sua Secretaria de Turismo, em parceria com o Bourbon Street Music Club, responsável pela sua concepção, curadoria e produção,a 13ª edição do Bourbon Festival Paraty conta com o patrocínio da Repsol Sinopec Brasil e o apoio da Ezze Seguros através da Lei Federal de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura Governo Federal – União e Reconstrução.

Programação completa:

::: PALCO MATRIZ

Sexta-feira 14/04

20h00 - Orquestra Sinfônica de Paraty

22h00 - Jane Monheit convida Ivan Lins

23h30 – Black Mantra

00h00 – Tim Maia Racional - B.Negão & Black Mantra

01h00 – DjCrizz

Sábado 15/04

20h30 - Hermeto Pascoal

22h00 – Diunna Greenleaf com Marcelo Naves & The Tigermen

23h30 - Kevin Gullage & The Blues Groovers

01h00 – Dj Crizz

Domingo 16/04

20h30 - Ana Cañas canta Belchior

22h00 - Fernando Rosa

00h00 –Dj Léo Lucas

::: PALCO SANTA RITA

Sábado 15/04

14h30 - Orquestra de Violões da Casa de Cultura

15h30 - Favela Brass

16h00 - Tributo a Roy Hargrove por Lucas Gomes

17h30 - Nina Plays The Blues com Voodoo Woman

19h00 - Dj Bebeto

Domingo 16/04

14h30 - Favela Brass

15h00 - Rhandal Oliveira Sexteto

16h30 - Silibrina

18h00 - New Orleans Sounds | Kevin Gullage& The Blues Groovers

******************** BUSKERS ********************

::: PALCO QUADRA

Sexta-feira 14/04

17h00 - Jes Condado

19h00 - Plínio Blues Trio

Sábado 15/04

13h00 - Jes Condado

15h00 – Bibba Chuqui

17h00 - Alma Nouche Trio

19h00 - Vasco Faé

Domingo 16/04

13h00 - Alma Nouche Trio

15h00 - Vasco Faé

17h00 – Bibba Chuqui

::: PALCO ROSÁRIO

Sábado 15/04

12h00 – Bibba Chuqui

14h00 - Alma Nouche Trio

16h00 - Vasco Faé

18h00 - Plínio Blues Trio

Domingo 16/04

12h00 - Vasco Faé

14h00 - Orleans Street Jazz Band

16h00 - Alma Nouche Trio

******************** JAZZ ITINERANTE ********************

::: JAZZ NA KOMBI

Sexta 14/04

19h00 - Pça Chafariz

Sábado 15/04

11h00 - Jabaquara

14h00 - Pontal

19h00 - Ponte do Pontal

Domingo 16/04

11h00 - Pça Bandeira

14h00 - Pontal

19h00 - Praça Chafariz

Pelas Ruas do Centro Histórico

Sexta, Sábado e Domingo

Orleans Street Jazz Band

Sábado e Domingo

Favela Brass

******************** MÚSICA NA IGREJA ********************

::: IGREJA DO ROSÁRIO

Sábado 15/04

11h00 – AquaBienta “Asas de Paraty”

Domingo 16/04

11h00 - Jazz à Capela | Bibba Chuqui

******************** WORKSHOPS ********************

::: WORKSHOP

Sexta 14/04

16h00 – AquaBienta | Música & Sustentabilidade

Domingo 16/04

11h00 - Tom Ashe | Favela Brass

******************** EXPOSIÇÃO ********************

::: PRAÇA DA MATRIZ

De Sexta a Dom

Exposição de Fotos | Giancarlo Mecarelli




bottom of page