A FORÇA DE UMA MULHER


Meu nome é Vanessa Fontana, comecei minha carreira artística ainda menina em meu estado de origem o Pará.


Fiz parte da renomada Orquestra Sinfônica De Violões do Pará e aos quinze anos tive minha primeira formação em Violão Clássico no Conservatório Carlos Gomes.


A notoriedade na música me colocou em grandes musicais como VEREDE QUE TE QUERO VERDE, me inserindo assim, no mundo teatral.


Estreei na televisão nos anos 90 na abertura da série PARAÍSO DESCONHECIDOS DO BRASIL, exibidos no FANTÁSTICO e GLOBO ESPORTE.


Cheguei no Rio em 99, quando fiz meu primeiro personagem no seriado MULHER ao lado de EVA WILMA na REDE GLOBO.


Segui carreira televisiva até 2010 e ne formei na Faculdade de Artes Cênicas.


Em 2013 segui também carreira cinematográfica.


No teatro, protagonizei VESTIDO DE NOIVA de NELSON RODRIGUES e ganhei prêmios internacional com a peça História De Um Garrafeiro.



Em 2013 me lancei como escritora onde ganhei um importante prêmio em Portugal Leya com o romance Amor Imaginário, entre outras premiações no Brasil, como crônicas, poesias e contos.


Em 2015 entrei na imprensa como apresentadora, entrevistadora e repórter no programa ENTREVISTAR.


Em 2018 fui entrevistadora na ABSOLUTE RIO TV, consolidando minha primeira parceria com MARISA ARAUJO.


Na atualidade, estou na pós produção de meu primeiro longa que estou dirigindo, MEU MUNDO AZUL.


Sou CEO da Fontana Produções, parceira da Europa Filmes em distribuição audiovisual, continuo com a Editora ILUMINART (antiga CORUJA ESCRITORA), tenho um canal na web chamada Versos, Versões e Prosas onde divulgo curtas de cunho literário autoral e continuo atuando no cinema.


Na quarentena, produzi um média metragem para o edital CULTURAPRESENTENASREDES.


Tenho um quadro Pout Pourri Das Artes com Vanessa Fontana em um programa televisivo chamado MOSTRE-SE NA TV onde é exibido em 120 canais fechados, em vários países, e na NET canal 6 RIO.


Sou protagonizando a série CONTRAVENÇÂO, como Delegada Marina.


Também sou uma das protagonistas no longa que está em fase de produção chamado RECOMEÇAR


Protagonizo também uma série que está sendo rodada na Rocinha, bairro do RJ, onde faço a policial ANDRÉIA.


Faço produção executiva e escrevo agora na quarentena o livro QUARENTENA EM VERSOS, VERSÕES E PROSAS.



Tenho quatro lindos filhos SEBASTIAN (27 anos), Gabriel (17anos), Luiza Mel (15 anos), Maria Clara (9 anos).


Crio meus filhos em guarda compartilhada com meu ex-marido, melhor amigo e braço direito, LUIZ FONTANA.


LUIZ foi o grande produtor musical e empresário do ramo no RIO DE JANEIRO, foi produtor do MISTURA FINA em sua época áurea, do BALLROOM e da sua Casa de Show PERESTROICA que foi fechada por perturbação da ordem pública. Acontecia que a casa lotava tanto que as vias públicas em frente ficavam intransitáveis e ele também foi empresário de grandes nomes e bandas.


Hoje Fontana vive de renda!

Até a próxima matéria ... muitas novidades virão !!!


Sebastian

Gabriel, Luiza Mel, Clara Dias

Vale ressaltar que também fui casada com Mauro Dias, meu falecido amor que teve um enfarte fulminante em meus braços e hoje é minha inspiração em muito do que escrevo.


Vanessa e Mauro Dias

Termino de me apresentar expondo minha alma em poesia.


EM FRENTE AO ESPELHO


Minha imagem parece não se importar

Todo dia, o que reflete, é analisado

Posso sorrir para mim mesma

Ou quem sabe, rir de mim

Posso deixar minha dor vir à tona

Uma lágrima escorrer

Posso levar um papo e me preparar para um longo diálogo, na esperança de ser convincente

Posso parecer até criança

Fazer careta

Dançar

E, até quem sabe, me xingar

Posso me escutar e ter a ilusão que é ela que está falando comigo

Minha imagem refletida no espelho;

Ou a ilusão de mim mesma?

Será que sou o que reflito nesse objeto ou o que sou, não pode ser visto?

Pensando bem

O espelho não reflete nenhum segredo d'Alma

Nenhuma emoção guardada pode ser vista nele

E todas as histórias?

Também não podem ser vistas

Fico imaginando, se o que refletisse nele fosse o meu interior

Como me veria?

Será que continuaria admirando-me todos os dias?

Será que o espelho continuaria sendo meu amigo?

Não entendo!

Como pode o meu reflexo ser mais importante que a minha Alma para tal objeto!

Como posso ser mais admirada por meu corpo do que pela essência?

O importante sempre será invisível aos olhos, entretanto perceptível ao toque

A energia não engana

Por que não confiamos mais no que sentimos à o que vemos?

Pobre humano! tão insensível!

Tão cego!

Se ilude com imagens!

É isso mesmo?

Se contenta com reflexo no espelho!

A análise é tão mais profunda.

Vem lá de dentro

Do não recorrente

Da simplicidade

Do que realmente sou

Da poesia

Do porquê estou

Antes de se achar perfeito olhando no espelho

Olhe mais profundo

Exponha sua Alma ao seu próprio toque

Escute-se

E lapide o que é importante

As arestas do coração.


Vanessa Fontana



72 visualizações

Copyright  Absolute Rio. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.  Site art by MARISA ARAUJO