top of page

Ponte de Versos de janeiro acontece no dia 17 (terça), na Blooks Botafogo, incentivando a poesia.

Ponte de Versos de janeiro traz, no Prato Principal, Laura Esteves, Jorge Sá Earp e Jorge Ventura, ao lado de Thereza Christina Rocque da Motta, editora e fundadora da Ibis Libris

Com 22 anos completos e 600 títulos publicados, a editora carioca consolida-se como uma das principais incentivadoras da produção literária nacional A Ibis Libris Editora comemorou 22 anos e 600 títulos publicados em 2022, além dos 23 anos da Ponte de Versos, evento que valoriza a literatura nacional e novos autores. Em janeiro, a Ponte de Versos contará com a presença de Laura Esteves, Jorge Sá Earp e Jorge Ventura, ao lado da também poeta e editora Thereza Christina Rocque da Motta, fundadora da Ibis Libris Editora, que inicialmente leem poemas autorais. Logo após, será aberta a Sobremesa, com a leitura de poemas de todos os presentes, encerrando com a Saideira, quando cada um lê mais um poema curto preferido, ou de sua autoria.

Estiveram na Ponte de Versos em 2022:

Em fevereiro, Lílian Maial, Ricardo Ruiz e Rosália Milsztajn.

Em março, Celi Luz e Karla Sabah.

Em abril, Alice Monteiro e Paulo Sabino.

Em maio, Claudia Roquette-Pinto e Léo Ferreira.

Em junho, Adriano Espínola, Monica Montone e Cristina Biscaia.

Em julho, Gilberto Gouma, Manuel Herculano e Marcelo Mourão.

Em agosto, Tanussi Cardoso, Ramon Nunes Mello e Carmen Moreno.

Em setembro, Christovam de Chevalier, Ricardo Vieira Lima e Solange Padilha.

Em outubro, William Soares dos Santos, Hélen Queiroz e Cecília Costa.

Em novembro, Luiz Otávio Oliani e Renato Alvarenga.

Em dezembro, Cristina Fürst, Georgia Annes e Rose Araujo.

Ibis Libris realiza, mensalmente, a "Ponte de Versos", evento literário tradicional carioca que, este ano, comemora 23 anos. Desde 1999, ocorrendo quinzenalmente na antiga Livraria Ponte de Tábuas, no Jardim Botânico, passando pelo Barteliê, em Ipanema, e pela Livraria DaConde, no Leblon, reunindo poetas novos e já consagrados, a "Ponte de Versos" tornou-se parte da cena poética carioca. O evento divide-se em "Prato Principal", onde os poetas convidados leem por 10 a 15 minutos. Em seguida, é aberta a "Sobremesa" ao público, quando cada pessoa pode recitar um poema por vez e, por fim, a "Saideira", com a leitura de mais um poema curto cada um. Com isso, incentava-se a produção e a divulgação da poesia brasileira e estrangeira. A "Ponte de Versos" acontece no próximo dia 17/01 (terça-feira), das 18h às 21h, na Blooks Botafogo, na Praia de Botafogo, 316 (Espaço Itaú de Cinema). Livre para todas as idades e com entrada franca. Traga seu poema para a Sobremesa e a Saideira!

Prato Principal

Laura Esteves pertence ao grupo Poesia Simplesmente que realiza o Festival Carioca de Poesia e o evento Terça ConVerso no Café, no Teatro Glaucio Gill. Publicou Transgressão (Sette Letras), Como água que brota na fonte (Barcarola), Rastros (Sindicato dos Escritores), 50 poemas escolhidos pelo autor (Galo Branco), O sabor, o saber e o sonho: a fome secular dos Oliveira (Edição da autora), A mulher, a pedra (Ibis Libris), O dia em que as mulheres voaram (Ibis Libris), Uns tempos estranhos e outras histórias (Ibis Libris), Duda e Pompom... Tudo de bom e Cantos do Rio (antologia de contos publicada pela Kelps, com Marcus Vinicius Quiroga, Silvio Ribeiro de Castro e Márcio Catunda). Lançou dois e-books infantis: Mais que amor é Levado da breca (Ventura Editora). Colaborou com o Jornal Rio Letras e escreveu roteiros. Foi uma das curadoras do Fórum Poesia (UFRJ) e premiada no Concurso Contos do Rio 2004, do jornal O Globo. Pertence ao Pen Clube do Brasil e é Conselheira da UBE-RJ (União Brasileira de Escritores). Instagram: @lauraesteves2011 WhatsApp: (21) 98772-0021 Jorge Sá Earp nasceu em 1955 no Rio de Janeiro. Fez Letras na PUC/RJ. Entrou para a carreira diplomática em 1980. Publicou 18 livros, entre poesia, conto e romance. Recebeu o Prêmio Nestlé de Literatura em 1995 com o romance Ponto de Fuga. Em 1993, ganhou Menção Honrosa no Concurso Guimarães Rosa da Radio France Internationale com o conto “Um admirador”, incluído no livro "O cavalo marinho", de 1997, publicado pela 7 Letras. Seu romance mais recente, As amarras, também foi publicado pela 7Letras, em 2020. Instagram: @saearp WhatsApp: (21) 98030-0373 Jorge Ventura é escritor, roteirista, editor, ator, jornalista e publicitário. Tem pós-graduação em Marketing e Didática do Ensino Superior. Possui 10 livros publicados e participação em dezenas de coletâneas e antologias nacionais e estrangeiras. É presidente da APPERJ (Associação Profissional de Poetas no Estado do Rio de Janeiro), vice-presidente da ABLAP (Academia Brasileira de Letras e Artes pela Paz), titular do Pen Clube do Brasil, membro diretor da UBE – RJ (União Brasileira de Escritores) e um dos integrantes do grupo Poesia Simplesmente. Recebeu diversos prêmios, em nível nacional e internacional, como autor e intérprete. Tem poemas vertidos para o inglês, francês, espanhol, italiano e grego. É sócio proprietário da Ventura Editora e Editora Iniciatta. Instagram: @jorgeventura4758 WhatsApp: (21) 99962-6653 O evento será novamente gravado pelo cineasta Sergio Rossini do canal do YouTube EspiritualidArte e para entrevistar o presidente da APPERJ, Jorge Ventura, que está entre os convidados.


Como bônus, a Ponte de Versos contará com a presença do grupo Poesia Simplesmente que acompanhará a convidada Laura Esteves. "Enquanto todos dormem, O poeta está acordado, Faz os seus versos, As suas canções, Seu andar ritmado. Como quem deixou o seu barco, No mar ancorado, Como quem já se encontrou, O sonho de ter amado, Como quem já se esqueceu, Do seu passado assustado. Como alguém que resgatou do mar, Os que estavam afogados, Como alguém que abrigou, Aos que estavam desabrigados, Como alguém que sarou as feridas, Dos que sangravam machucados, Como alguém que voltou para casa, Depois de ter ficado ilhado, Como alguém que já amou, E por muito já foi amado. ("Ego Poético", extraído do livro "Noções do silêncio", Elza Helena de Almeida)

Sobre a Ibis Libris

Ibis Libris é uma editora de primeiros livros de prosa e poesia, ficção e não ficção, infantis, juvenis e cultura em geral. Foi fundada em 18 de agosto de 2000, e hoje tem mais de 500 títulos publicados, principalmente de literatura. Sua fundadora, Thereza Christina Rocque da Motta, é poeta, editora e tradutora. Lançou “Joio & Trigo”, seu primeiro livro de poemas, em 1982. Tem 25 livros publicados, entre eles, “Capitu” (2014), “Breve anunciação” (2013) e “As liras de Marília” (2013). É membro do Pen Clube do Brasil e da Academia Brasileira de Poesia. Fundou a Ibis Libris em 2000, e criou o selo Bisbilibisbalabás em 2002. Em 2021, criou o selo Maat somente para mulheres. Em 2022, lançou “Sheherazade”, seu primeiro livro de contos, pelo selo Maat. A Ibis Libris Editora inscreveu, pela primeira vez, mais de 10 títulos no Prêmio Jabuti de 2022, concorrendo em 16 categorias. Além disso, Thereza Christina fez o pedido de inserção do Dia da Primavera dos Livros no Calendário Oficial da Cidade, aprovado em 6 de outubro de 2022. Segundo Thereza Rocque da Motta, a "Ibis Libris foi criada para dar voz aos autores que desejam transformar seus sonhos em livros e, por isso criei uma editora para transformar sonhos em realidade".

Instagram: @ibislibris Thereza Christina Rocque da Motta Ibis Libris Editora Rua Pereira Nunes, 395 cob. 1.701 Vila Isabel 20.541-022 Rio de Janeiro - RJ Tel.: 21-3546-1007 / 96580-0499

Assessoria de Imprensa: Paula Ramagem

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page