top of page

A importância da tecnologia para recrutamento e seleção nas empresas

Por Márcio Monson, CEO da Selecty

Empresas que contrataram mais do que demitiram: novos empregos e oportunidades com registro na carteira. O cenário pós-pandemia se desenha bastante otimista para o universo do mercado de trabalho e os números confirmam o bom momento. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), apenas de janeiro a julho de 2022, foram quase 1 milhão de novas empresas abertas e 1.560.896 colocações formais.

Nas organizações que precisam contratar, as plataformas de seleção de funcionários vêm ganhando cada vez mais importância, primeiro porque a maioria das pessoas em busca de colocação procura por vagas na internet, dando preferência a sites especializados em empregos. Segundo, porque as empresas, priorizando a agilidade e transparência nos seus processos, gastam menos tempo com tarefas operacionais.

Assim, o recrutamento remoto oferece a mesma qualidade e profundidade de uma seleção presencial, mas com elementos extras que enriquecem os processos e otimizam o trabalho dos profissionais de R&S.

Isso só confirma o bom desempenho da tecnologia e como ela é, de fato, aliada. Softwares especializados em recrutamento e seleção vêm se tornando a primeira opção para digitalizar e agilizar os processos seletivos e potencializar a gestão de talentos de forma eficaz e proativa. Tudo porque, no setor de RH, a tecnologia ajuda a encontrar, selecionar e contratar pessoas de forma on-line.

Existem no mercado, por exemplo, ferramentas que vão além da gestão automatizada de todo processo seletivo e que permitem também que, depois de o candidato ser aprovado, ele inicie o fluxo de admissão on-line imediatamente, realizando as etapas de contratação de forma totalmente digital, sem a necessidade de se deslocar até a empresa.

A nova era da tecnologia para R&S (Recrutamento e Seleção) acaba com a necessidade de vários sistemas para as diferentes etapas de contratação, com currículos e informações dispersas que dão muito trabalho para análise. Ou seja, fazer o processo de seleção e admissão é tarefa do profissional de R&S e Departamento Pessoal que pode ser agilizada. Por isso, é importante trabalhar para automatizar o processo e, assim, fazer com que os profissionais encontrem o perfil mais adequado à vaga, com agilidade, e finalizem a contratação em menos tempo e com mais assertividade, de forma integrada.

A era do currículo de papel e das longas entrevistas para seleção acabaram, mas a conquista do emprego sempre será importante. O trabalho vai além do sustento: tem a ver com o desenvolvimento de habilidades, com realização pessoal, com a dignidade, com o desenvolvimento de relações interpessoais e também com a responsabilidade. Acima de tudo, ter um trabalho aperfeiçoa a gratidão e se a tecnologia está disponível para unir tudo isso, bem-vinda!

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page